A atual pandemia de Covid-19, e a busca desesperada por uma vacina que consiga prevenir de forma eficaz o contágio pelo coronavírus, reacendeu um antigo debate a respeito da obrigatoriedade das vacinas. Antigo porque no Brasil, já em 1904, durante o governo do presidente Rodrigues Alves, o povo do Rio de Janeiro, então capital da república,  se levantou contra a medida do governo federal que tornava obrigatória a vacinação contra a varíola, episódio que entrou para a história como a Revolta da Vacina.

De fato, temos hoje inúmeras vacinas que são obrigatórias, como a BCG, a Tríplice, a Tríplice Viral, só para citar algumas. Em sua maioria, são aplicadas logo ao nascer e durante a infância, com algumas tendo doses aplicadas durante a adolescência. Por serem obrigatórias, o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) prevê sanções aos pais que deixarem de vacinar os seus filhos.

A importância das vacinas é incontestável! Foram elas que permitiram a redução drástica nas taxas de mortalidade infantil e o aumento considerável da expectativa de vida da humanidade. Em países com uma infraestrutura sanitária precária, como o Brasil, as vacinas ajudam a evitar que a população, principalmente a mais carente, fique exposta à doenças causadas pela falta de saneamento básico. Doenças que no passado levaram milhões à morte, hoje se encontram praticamente erradicadas, em grande parte devido à vacinação em massa da população. Por isso acredito que não devemos debater a eficácia das vacinas, pois já está mais que comprovada!

Sei que muitas pessoas possuem restrições, ou dúvidas, em relação às vacinas e eu compreendo e respeito suas opiniões. Porém, como cidadão vacinado, defendo o uso das vacinas para se evitar doenças. Vacinei meus filhos, que cresceram saudáveis. E não vou discutir aqui as teorias da conspiração, que amedrontam as pessoas em relação às vacinas, pois a meu ver estas teorias só proporcionam um desserviço à sociedade!

Da mesma maneira que ocorreu em 1904, hoje a grande discussão não gira apenas em torno das vacinas, em si, mas principalmente, giram em torno da sua obrigatoriedade. No início do século passado, o estopim para a Revolta da Vacina não foi a obrigatoriedade da vacinação, mas a lei que tornaria obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação para a realização de matrículas em escolas, obtenção de empregos, realização de viagens e até para se casar! Essas sanções foram a causa principal da revolta da população!

Hoje, apesar de existirem vacinas obrigatórias, e apesar das sanções previstas no ECA, ninguém sofre, na prática, qualquer sanção ou punição séria! A vacina contra a Covid-19 nem foi desenvolvida ainda, mas já tem quem queira torná-la obrigatória, usando o número do CPF das pessoas como instrumento de controle para a aplicação de possíveis sanções futuras. E que sanções são estas? Ninguém sabe ainda, mas a exemplo do que ocorreu há mais de cem anos atrás, no futuro poderão exigir a comprovação da vacinação para que possamos matricular nossos filhos nas escolas ou para que possamos ingressar num emprego, por exemplo! A questão é que não sabemos a que tipo de sanções estaremos sujeitos caso esta vacina seja obrigatória! Por isso, neste caso específico, sou contra a obrigatoriedade! A meu ver, as atuais vacinas obrigatórias devem permanecer como estão, pois em sua maioria combatem doenças extremamente graves, que afetam principalmente crianças, como no caso da Poliomielite. Seria irresponsabilidade deixar as crianças expostas a este tipo de doença, até que possam tomar as decisões por si mesmas. No caso da Covid-19, sabemos que a sua letalidade geral é baixa, e em relação às crianças, é ainda mais baixa, não sendo um risco tão sério para elas, como as outras doenças o são! Mais um motivo para que eu considere a obrigatoriedade desnecessária neste caso!

Além disso, como já mencionei, a tal vacina ainda nem existe! Existem várias vacinas sendo desenvolvidas, e que estão em fase de testes. Por hora não se tem certeza da eficácia delas e nem se são seguras em relação a reações ou efeitos colaterais. Tudo o que sabemos é que alguns políticos tem uma pressa tremenda em promover uma vacinação em massa, sob o pretexto de cancelar a quarentena e reabrir a economia. Porém, todos nós sabemos também, que a quarentena foi conduzida de forma equivocada, e o baque sofrido pela economia tem como causa muito mais a incompetência de alguns governantes, do que a doença em si! A pressa em promover a vacinação em massa envolve interesses econômicos e políticos, que nada tem a ver com a saúde da população!

Por isso acredito que obrigar as pessoas a tomarem vacinas que não foram testadas à exaustão, que não tem sua eficácia e segurança comprovadas, é mais temerário que a própria Covid-19! Até porque sabemos que existem medicamentos que podem ser usados para o combate à doença, diminuindo a sua letalidade, que já é baixa! E também sabemos que esta pandemia só tomou estas proporções, por causa de decisões políticas erradas, e pelo pânico generalizado que foi provocado de forma intencional. Nestas condições, impor uma vacinação em massa obrigatória, é uma decisão irresponsável!

Muitas pessoas que defendem a obrigatoriedade da vacinação contra a Covid-19, argumentam que aqueles que não se vacinarem, se tornarão uma ameaça à sociedade. Este argumento é ridículo, pois as pessoas não vacinadas oferecerão risco apenas a elas mesmas e a outras pessoas não vacinadas! O objetivo da vacina é justamente IMUNIZAR contra a doença, portanto quem for vacinado não deverá se sentir ameaçado por aqueles que não foram! Por isso, permitir que as pessoas decidam por si mesmas se querem ou não se vacinar, neste caso, acredito ser o melhor caminho!

 

Sander Souza (ConexãoJapão), para Vida Destra, 16/10/2020.
Vamos discutir o Tema. Sigam-me no Twitter @srsjoejp e no Parler @Srsjoejp

Sander Souza
Acompanhe me
Últimos posts por Sander Souza (exibir todos)
Amigos e leitores, pessoas físicas/jurídicas! Colaborem com a Revista @vidadestra sem tirar dinheiro do seu bolso. Baixe o app LunesPay e ganhe 25 pontos de vantagens. Seremos remunerados por cada download a partir do nosso link. Contamos com a direita! https://bit.ly/BaixeLunesPay-0
Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
mais antigos
mais novos mais votados
Inline Feedbacks
View all comments
Nunes
Admin
9 dias atrás

ótimo artigo
eu ainda irei esperar um pouco os efeitos colaterais dessas vacinas

Sander Souza
Sander Souza
Reply to  Nunes
9 dias atrás

Obrigado, meu amigo!
Eu não pretendo tomar! Na verdade, não creio que desenvolvam tão cedo esta vacina! Até hoje não descobriram uma vacina eficaz contra a gripe comum ou a influenza!

Adilson Veiga
9 dias atrás

Parabéns pelo artigo meu amigo!
Assunto de extrema importância, que logo, será posto em prática.

Sander Souza
Sander Souza
Reply to  Adilson Veiga
8 dias atrás

Obrigado pelo apoio, meu amigo!
Não acho que conseguiremos impedir esta obrigatoriedade! Vejo como está sendo com o uso de máscaras!

Luiz Antonio
8 dias atrás

Não vacino nem a pau,Juvenal. Segundo acompanhamento das vacinas,170 estão em desenvolvimento no mundo e nenhuma está aprovada.Oxford e J& J tiveram reações adversas.Existe o PL 4506/20 que desobriga a obrigatoriedade da vacina.Dória vá tomar ozônio,mas o q vc queria é dinheiro no fiofó.

Sander Souza
Sander Souza
Reply to  Luiz Antonio
7 dias atrás

Muito obrigado por ler e comentar!
Essa vacina eu não tomo de jeito nenhum!

Ana Lúcia Ramos Campos
Ana Lúcia Ramos Campos
8 dias atrás

Parabéns mais uma vez pelo belo artigo, concordo com vc plenamente.
👏👏👏👏👏👏👏
Vcs brilham com estes textos.
Não canso de falar, aprendo demais.
Muito obrigada!

Sander Souza
Sander Souza
Reply to  Ana Lúcia Ramos Campos
7 dias atrás

Muito obrigado por seu apoio, Ana!
São pessoas como você que nos estimulam a seguir em frente, e a sempre fazer o melhor trabalho possível! Deus te abençoe!

Lívio Luiz Soares de Oliveira
7 dias atrás

Isso mesmo Sander. Muito bem! Vacina contra corona não tem de ser obrigatória.

Sander Souza
Sander Souza
Reply to  Lívio Luiz Soares de Oliveira
7 dias atrás

Muito obrigado, Lívio!

FABIO PAGGIARO
6 dias atrás

Penso exatamente como você, Sander. O mesmo Dória mentiroso que dizia se basear na Ciência para impor o isolamento social, que só nos trouxe malefícios, agora quer impor uma vacina não testada cientificamente. Esse projeto de ditador precisa ser contido. E os paulistas tem a obrigação de fazê-lo. E já devem começar na próxima eleição municipal, derrotando seu “amiguinho coveiro”, casual e ironicamente chamado Covas. São dois criminosos.

Sander Souza
Sander Souza
Reply to  FABIO PAGGIARO
6 dias atrás

Concordo, deviam ser levados à justiça, se tivéssemos uma que prestasse! De qualquer forma, acho que não deveriam sair impunes dessa, depois de tudo o que provocaram, inclusive as mortes!

FABIO PAGGIARO
6 dias atrás

Parabéns, amigo.

Sander Souza
Sander Souza
Reply to  FABIO PAGGIARO
6 dias atrás

Muito obrigado, meu amigo!