Por Sander Souza

Twitter: @srsjoejp Instagram: @sander_r_s

 

São Paulo x Palmeiras (Choque-Rei) – Brasileirão 2022

13ª Rodada

 

Pré Jogo

Quando surge, amigos palestrinos!

Seguimos na liderança do Brasileirão e hoje entraremos em campo no Morumbi para enfrentar o São Paulo no primeiro Choque-Rei da semana, válido pela 13ª rodada da competição. Vindo da espetacular vitória de virada por 4×2 sobre o Atlético-GO, o Verdão buscará garantir a liderança mantendo a vantagem de três pontos sobre o segundo colocado.

O Palmeiras está invicto há 18 partidas em três competições diferentes (11 pelo Brasileirão) e buscará manter a sua invencibilidade. Vale lembrar também que o Verdão perdeu apenas três jogos dos últimos 45 que disputou.

O clássico entre Palmeiras e São Paulo marcará o encontro do melhor mandante contra o melhor visitante da atual edição do Campeonato Brasileiro. Atuando fora de casa, o Verdão não só tem o melhor aproveitamento entre todos os clubes como também está invicto: são três vitórias e dois empates em cinco partidas. Já o rival tricolor possui os melhores números dentro de casa: quatro vitórias e um empate em cinco partidas.

O Palmeiras é o único time que derrotou o São Paulo no Morumbi nesta temporada: o rival soma 15 vitórias e três empates em 19 partidas no local, além do revés para o Verdão por 1 a 0, gol de Rony, no dia 10 de março, pelo Campeonato Paulista. A última vez que o Verdão venceu dois jogos no Morumbi em um mesmo ano foi em 1997, quando fez 1 a 0 pelo Paulista e 2 a 0 pelo Brasileiro.

Com retrospecto favorável, o Palmeiras disputará seu 50° clássico paulista desde a implementação da torcida única no estado de São Paulo, em abril de 2016Nos 49 duelos já disputados, são 23 vitórias, 10 empates e 16 derrotas (este dado não inclui jogos sem público durante a pandemia da COVID-19). O Alviverde detém o melhor índice de vitórias ante os seus rivais – 47%, seguido pelo Corinthians, com 37% (20 vitórias em 54 clássicos) – e o menor percentual de derrota – 33%, seguido novamente pelo Corinthians, com 35% (19 derrotas nos 54 jogos).

Preparação

Após o triunfo sobre o Atlético-GO na última quinta-feira (16), o elenco alviverde descansou na sexta-feira e se reapresentou na Academia de Futebol na manhã de sábado (18) para iniciar a sua preparação para este clássico.

Abel Ferreira foi ausência na atividade. O Professor apresentou sintomas gripais, foi submetido ao teste para detecção da Covid-19 e teve resultado positivo. Ele foi prontamente isolado e terá a recuperação monitorada pelos médicos do Núcleo de Saúde e Performance (NSP).

Os jogadores que atuaram por mais de 45 minutos no Allianz Parque permaneceram na parte interna do Centro de Excelência e fizeram trabalhos regenerativos. No campo, o zagueiro Kuscevic foi a principal novidade. O chileno retornou após três semanas a serviço da seleção de seu país e participou da atividade técnica no campo junto aos demais companheiros.

Comandado pelos auxiliares de Abel, o elenco disputou um coletivo em campo reduzido. O lateral-esquerdo Jorge fez o aquecimento integrado ao grupo e atividades individualizadas em separado na sequência – ele sofreu um trauma no joelho direito contra o Coritiba, na última semana, e tem a recuperação avaliada diariamente pelo NSP.

O jogador Benjamín Kuscevic, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol. (Foto: Cesar Greco)

O Verdão deu sequência à sua preparação na manhã de domingo (19). O argentino José Manuel López, confirmado na última quinta-feira (16) como reforço do Verdão, fez sua primeira atividade na Academia de Futebol. O centroavante de 21 anos permaneceu na parte interna do Centro de Excelência e seguiu cronograma individualizado com profissionais do Núcleo de Saúde e Performance.

O jogador Flaco Lopéz, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol. (Foto: Cesar Greco)

No gramado, o treino do Maior Campeão do Brasil também teve novidades. O meio-campista Raphael Veiga, aniversariante do dia, iniciou o processo de transição física após recuperar-se de lesão na coxa direita – ele fez uma parte do aquecimento junto ao grupo e, na sequência, atividades físicas em separado sob orientação dos preparadores do NSP.

Os auxiliares técnicos de Abel Ferreira comandaram um treino técnico em campo reduzido seguido de um recreativo. O lateral-esquerdo Jorge segue avançando na recuperação de um trauma no joelho direito e atuou com o grupo como “curinga” nas atividades em campo. O lateral-direito Marcos Rocha, com mialgia na coxa direita, trabalhou no campo separado dos demais.

O jogador Raphael Veiga, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol. (Foto: Cesar Greco)

Escalação:

Pendurados: Marcos Rocha, Danilo, Gabriel Menino, João Martins (auxiliar técnico) e Vitor Castanheira (auxiliar técnico)
Suspenso: Zé Rafael (três cartões amarelos)
Outros desfalques: Raphael Veiga (transição física), Marcos Rocha (mialgia na coxa direita), Jorge (trauma no joelho direito) e Jailson (lesão no joelho direito)

Nesta partida o Palmeiras entra em campo sob o comando do auxiliar técnico João Martins com a seguinte escalação: Weverton fechando o nosso gol; Piquerez na lateral esquerda e Gustavo Gómez atuando pela direita; Luan e Murilo na zaga; Gabriel Menino, Danilo e Gustavo Scarpa no meio-campo; Gabriel Veron, Rony e Dudu na linha de ataque. Time organizado num aparente esquema tático inicial 4-3-3. Apesar da vantagem do Tricolor de jogar em casa, temos plenas condições de enfrentar e superar o Trikas e garantir a nossa liderança no Brasileirão.

O Jogo

As equipes iniciaram a partida com boa intensidade e o Tricolor buscou aproveitar a sua vantagem moral por jogar em casa apoiado pela torcida para tentar construir jogadas sobre o Verdão.

Nossa primeira chegada no ataque ocorreu apenas aos 7 minutos após troca de passes que chegou no Rony na grande área, que tentou um cruzamento rasteiro mas a defesa adversária conseguiu interceptar.

O Tricolor seguiu pressionando e aos 12 minutos chegaram ao nosso campo defensivo e o Weverton fez uma bela defesa de uma finalização de Nestor. Apesar dessa bela defesa, porcos minutos depois, aos 16 minutos, os trikas chegaram ao nosso gol, abrindo o placar no Morumbi! Trikas 1×0 Porco.

Com a desvantagem no placar, o Verdão seguia tentando pressionar e aos 25 minutos Veron desviou de cabeça na pequena área, Jandrei defendeu e na sobra Piquerez quase finaliza!

Aos 30 minutos, Scarpa recebeu pela esquerda na entrada da área e arriscou a finalização mas a bola saiu pela linha de fundo. Pouco depois aos 33 minutos, novamente Scarpa, que carregou na intermediária e mandou um foguete para o gol mas a bola passou por cima da meta!

Aos 35 minutos, boa oportunidade com o Rony lançando para o Gabriel Menino na área, que foi travado pela zaga adversária antes da conclusão do lance. No minuto seguinte, Scarpa aproveita sobra de bola na área e finaliza, com a defesa conseguindo bloquear o chute!

Após 4 minutos de acréscimos, o primeiro tempo terminou no Morumbi. Placar parcial: São Paulo 1×0 Palmeiras.

Voltamos para a segunda etapa sem alterações no nosso time. O jogo seguiu com intensidade semelhante nos minutos iniciais do segundo tempo. Aos 14 minutos, Dudu buscou Rony na grande área mas Jandrei antecipou a jogada e conseguiu afastar o perigo.

Aos 18 minutos, João Martins fez as nossas primeiras substituições, com Rafael Navarro e Mayke entrando em substituição a Rony e Luan. Conforme o segundo tempo transcorria, o Tricolor ia perdendo o gás de forma visível, e as substituições feitas pelo técnico Rogério Ceni não pareciam surtir efeitos. O Verdão passou a explorar a queda de ritmo dos trikas e intensificou a pressão, buscando o gol de empate. Aos 28 minutos, nova substituição, com o Breno Lopes entrando em substituição a Gabriel Veron.

Logo após a substituição, em sua primeira participação Breno Lopes quase faz o gol de empate! O Verdão foi intensificando a pressão e aos 40 minutos fizemos as nossas últimas substituições com Atuesta e Wesley entrando em substituição a Danilo e Piquerez. Aos 45 minutos, Scarpa fez um cruzamento milimétrico e o xerifão Gustavo Gómez desviou de cabeça, empatando o jogo no Morumbi! Trikas 1×1 Porco!

Já nos acréscimos, num dos últimos lances da partida aos 50 minutos, Murilo aproveitou uma sobre de bola de fez o gol da virada!!

Com gols de Gómez e Murilo, viramos e vencemos dentro da casa do adversário! Placar final no Morumbi: São Paulo 1×2 Palmeiras.

Jogo decidido pelos nossos zagueiros! O São Paulo pressionou bastante no primeiro tempo mas perdeu o ritmo na etapa final e abriu a oportunidade para a pressão palmeirense aumentar até levar o adversário à exaustão.

Nosso trabalho coletivo tem uma força tremenda e consegue fazer com que o time não sinta a pressão, mesmo jogando um clássico na casa do adversário com torcida única. Minhas críticas são em relação ao desempenho abaixo do normal do Dudu, por causa da nossa formação tática, e ao Gómez atuando pela direita. Prefiro que coloquem o Mayke, mesmo que ainda não esteja 100% ou o Garcia, do que ter o Gómez na direita. E a zaga deve ter Gómez e Murilo como titulares.

Danilo parece ter perdido um pouco do rendimento após o afastamento do Veiga e o Menino precisa melhorar muito ainda. Zé Rafael fez muita falta hoje! Veron fez boa partida, assim como o Scarpa.

Mas fizemos uma boa partida diante de um adversário que veio com tudo o que tinha pra cima de nós. Além do resultado nos manter na liderança do Brasileirão, agora com 28 pontos, ainda somos os detentores do melhor ataque e da melhor defesa, e ampliamos a nossa sequência invicta. E botamos pressão em dois rivais ao mesmo tempo, já que agora os trikas entrarão em campo sob uma pressão tremenda na quinta-feira, na partida de ida das oitavas da Copa do Brasil e também botamos pressão sobre os gambás, que não podem perder sob o risco de ver a nossa vantagem ser ainda mais ampliada!

Bora comemorar este jogo que fez com que a nossa semana já começasse muito bem!

“Palmeiras é o time da virada, Palmeiras é o time do amor…”

Até quinta-feira e #AvantiPalestra

 

*Sander Souza é editor do Vida Destra Esportes.

 

Sigam Vida Destra Esportes no Twitter: @EsportesVD, no Instagram: @esportes_vd, no Canal do Telegram: https://t.me/EsportesVD e venham participar também do nosso grupo de debates de esportes: https://t.me/BotecoVDE

 

As informações e opiniões expressas neste artigo são de responsabilidade de seu(s) respectivo(s) autor(es), e não expressam necessariamente a opinião do Vida Destra Esportes. Para entrar em contato, envie um e-mail ao [email protected]
Sander Souza
Sigam me
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments