Por Sander Souza

Twitter: @srsjoejp Instagram: @sander_r_s

 

Ceará x Palmeiras – Brasileirão 2022

20ª Rodada

 

Pré Jogo

Quando surge, amigos palmeirenses!

Mantendo o foco no Campeonato Brasileiro, hoje o Palmeiras está em Fortaleza para enfrentar a equipe do Ceará, na partida da 20ª rodada, a primeira do returno do Brasileirão. Atual líder da competição, com 39 pontos, o Verdão vem da vitória por 2×1 sobre o Internacional, na partida válida pela 19ª rodada realizada no último domingo (24).

O Maior Campeão do Brasil ganhou mais da metade dos confrontos disputados com o Ceará ao longo da história. No total, foram 34 jogos, com 19 vitórias, 10 empates e apenas cinco derrotas, além de 72 gols marcados e 30 gols sofridos.

Se vencer o Ceará, o Palmeiras passará a ter um retrospecto positivo diante do rival alvinegro no Castelão. Atualmente, o Verdão soma dez jogos contra o Ceará neste cenário, com duas vitórias, seis empates, duas derrotas, 15 gols marcados e 14 gols sofridos. Como visitante, independentemente do estádio, o Verdão já é superior contra o Ceará: 17 jogos, seis vitórias, sete empates, quatro derrotas, 30 gols marcados e 20 gols sofridos.

Preparação

Com uma semana livre, por ter sido eliminada da Copa do Brasil, a equipe alviverde folgou na segunda (25) e terça-feira (26), e se reapresentou na Academia de Futebol na manhã da quarta-feira (27) para dar início à sua preparação para o confronto de hoje. As novidades foram o lateral-esquerdo Piquerez e o atacante Rafael Navarro, que treinaram com o grupo em tempo integral.

O uruguaio sentiu uma mialgia na coxa esquerda contra o Cuiabá, no dia 18 de julho, e foi desfalque diante de América-MG e Inter, enquanto Navarro lesionou a coxa direita contra o Cerro Porteño-PAR, no dia 6, pela Libertadores, e foi baixa também contra Fortaleza, São Paulo e Cuiabá. Desta forma, apenas o atacante Rony e o meio-campista Jailson cumpriram cronograma interno com o Núcleo de Saúde e Performance.

A comissão técnica realizou duas atividades técnicas no gramado. A primeira contou com três times, não teve a presença de goleiros e propunha objetivos específicos. Na segunda, com os arqueiros, os atletas aprimoraram fundamentos técnicos com ênfase nas jogadas de linha de fundo. Na parte final, alguns atletas aperfeiçoaram cobranças de faltas e pênaltis.

O jogador Joaquín Piquerez, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol. (Foto: Cesar Greco)

O Verdão deu prosseguimento aos treinos preparatórios na manhã de quinta-feira (28) na Academia de Futebol. Após o aquecimento com corridas de tiro curto no gramado, o elenco realizou atividades técnicas e táticas em campo reduzido com foco na construção de jogadas. Assim como na quarta-feira (27), o lateral-esquerdo Piquerez e o atacante Rafael Navarro treinaram com o grupo em tempo integral.

Os jogadores Danilo e Flaco López (D), da SE Palmeiras, durante treinamento na Academia de Futebol. (Foco: Cesar Greco)

Os treinos preparatórios foram encerrados na manhã da sexta-feira (29) na Academia de Futebol. Após uma apresentação em vídeo no auditório do Centro de Excelência, o Professor Abel Ferreira e sua comissão comandaram um treino técnico de cruzamentos e finalizações seguido de uma atividade recreativa. A delegação alviverde embarcou no período da tarde para a capital cearense.

Escalação

Pendurados: Marcos Rocha, Murilo, Gabriel Menino, Piquerez, Rony, Abel Ferreira (treinador), João Martins e Vitor Castanheira (auxiliares técnicos)
Suspensos: não há
Desfalques: Jailson (lesão no joelho direito) e Rony (lesão na coxa esquerda)

A escalação para esta partida mais uma vez dividiu as opiniões dos torcedores palmeirenses. De um lado havia aqueles que defendiam, como eu, que o Verdão entrasse em campo com um time mesclado, poupando alguns jogadores titulares importantes. Eu defendi esta alternativa porque jogaríamos novamente no Castelão e foi naquela arena que o Rony se lesionou, na partida contra o Fortaleza, por conta do gramado ruim. Eu preferia não arriscar perder algum jogador importante e ficar desfalcado para a partida contra o Galo, pelas quartas de final da Libertadores, na próxima quarta-feira (3).

Já outros torcedores defendiam um time totalmente reserva e outros defendiam que o time titular entrasse em campo. Claro que considerei também a questão da manutenção da liderança do Brasileirão. Porém mais importante que nos manter na liderança, neste momento passar para a próxima fase da competição continental é prioridade.

O Professor Abel Ferreira montou o seguinte time para este confronto: Weverton fechando o nosso gol; Piquerez na lateral esquerda e Marcos Rocha na lateral direita; Murilo e Gustavo Gómez na zaga; Zé Rafael, Danilo e Raphael Veiga no meio campo; Gustavo Scarpa, Flaco López e Dudu na linha de ataque. Formação tática inicial 4-2-3-1. É o nosso time titular, ninguém foi poupado!

O Jogo

O Palmeiras iniciou a partida em ritmo lento, enfrentando o calor de Fortaleza, o gramado ruim do Castelão e um Vozão que tentava explorar espaços e buscava criar jogadas com bolas longas e também tentava finalizações de fora da área.

Aos 7 minutos Piquerez cruzou na área e a defesa desviou nos dando um escanteio. Na cobrança Scarpa chutou rasteiro e a defesa cearense afastou. No minuto seguinte boa oportunidade com o Dudu driblando pela direita e finalizando, com o goleiro João Ricardo fazendo a defesa!

Aos 13 minutos Zé Rafael tocou para Flaco López, que fez a finta e foi bloqueado na finalização, no rebote Scarpa cruzou mas a bola atravessou toda a área e saiu. O Verdão foi aumentando a pressão sobre o Vozão e aos 23 minutos Danilo alçou a bola na área, López subiu e desviou de cabeça mas a bola passou por cima do travessão!

Aos 31 minutos Scarpa recebeu passe de Dudu, limpou a marcação e finalizou de fora da área com um foguete, obrigando João Ricardo a espalmar, e no rebote Dudu mandou a bola para o fundo do gol cearense! Placar aberto na Arena Castelão! Vozão 0x1 Porco!

Aos 36 minutos Danilo recebeu na entrada da área e chutou colocado mandando a bola pra fora! Aos 45 minutos Scarpa dominou a bola no meio e lançou Flaco López, que ficou de frente pro gol e finalizou na saída do goleiro João Ricardo marcando seu primeiro tento com o manto alviverde! Placar ampliado no Castelão! Vozão 0x2 Porco!

Após sete minutos de acréscimos terminou o primeiro tempo no Castelão! Placar parcial Ceará 0x2 Palmeiras.

No início do primeiro tempo o Palmeiras jogou em ritmo mais lento e o Ceará estava buscando se impor mas não chegava na área alviverde e assim explorou finalizações de fora da área mas sem levar perigo ao gol do Verdão! Ao longo da primeira etapa o Porco acordou e foi aumentando a intensidade, passando a pressionar e a ter bom controle das oportunidades.

Voltamos sem alterações para a segunda etapa.

Aos 11 minutos boa oportunidade com Scarpa que, após receber de Lopez, chutou colocado mas mandou a bola no travessão! Apenas dois minutos depois Veiga finalizou de fora da área e João Ricardo fez a defesa!

Aos 21 minutos o Professor Abel Ferreira fez as nossas primeiras substituições com Mayke e Vanderlan entrando em substituição a Marcos Rocha e Piquerez. Aos 27 minutos Zé Rafael chutou para o gol, Gómez desviou e na sobra Murilo guardou a bola no fundo da rede cearense mas a arbitragem assinalou impedimento.

Aos 30 minutos nova substituição com o Rafael Navarro entrando no lugar de Flaco López. Aos 34 minutos Daronco marcou um pênalti inexistente para o Ceará, que na cobrança diminuiu o placar. Vozão 1×2 Porco!

Depois do gol o Vozão aumentou a intensidade, mesmo estando com um jogador a menos. Aos 42 minutos o Professor fez as nossas últimas substituições, com Gabriel Menino e Breno Lopes entrando em substituição a Veiga e Dudu. Após 8 minutos de acréscimos a partida terminou no Castelão! Placar final: Ceará 1×2 Palmeiras.

O Palmeiras devolveu a derrota por 3×2 sofrida na primeira partida do 1º Turno em pleno Allianz Parque. Em sua segunda partida como titular Flaco López anotou o seu primeiro gol com o manto palmeirense!

O show só não foi completo por conta de mais uma péssima  atuação do sr. Daronco, um juiz que nem deveria estar apitando jogos do Palmeiras. Menos de uma semana depois da reunião ocorrida na CBF entre o presidente da Comissão de Arbitragem e os presidentes de vários clubes das séries A e B, vimos mais uma péssima atuação da arbitragem.

A presidente Leila Pereira precisa agir contra este tipo de situação. Ela precisa se manifestar o quanto antes e cobrar uma providência da CBF. Mas tem que ser uma atitude imediata e contundente, não uma notinha daqui uma semana!

Mas não vamos deixar que essa palhaçada estrague a nossa festa, afinal temos muitos motivos para comemorar! Vitória numa revanche com gol de estreia do nosso centroavante! E mais 3 pontos conquistados e liderança garantida! Bora aproveitar a noite de sábado e abrir aquela Heineken esperta!

Nosso próximo compromisso será na quarta-feira (3) quando iremos a Belo Horizonte para enfrentar o Atlético-MG no jogo de ida das quartas de final da Libertadores.

Até lá e #AvantiPalestra

 

PS*: Segundo a Web Rádio Verdão, após a partida o diretor de Futebol Anderson Barros teria feito um pronunciamento a respeito da atuação da arbitragem

 

*Sander Souza é editor do Vida Destra Esportes.

 

Sigam Vida Destra Esportes no Twitter: @EsportesVD, no Instagram: @esportes_vd, no Canal do Telegram: https://t.me/EsportesVD e venham participar também do nosso grupo de debates de esportes: https://t.me/BotecoVDE

 

As informações e opiniões expressas neste artigo são de responsabilidade de seu(s) respectivo(s) autor(es), e não expressam necessariamente a opinião do Vida Destra Esportes. Para entrar em contato, envie um e-mail ao [email protected]
Sander Souza
Sigam me
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments