Por Sander Souza

Twitter: @srsjoejp Instagram: @sander_r_s

 

Corinthians x Palmeiras – Derby – Brasileirão 2022

22ª Rodada

 

Pré-Jogo

 

Quando surge, galera semifinalista!

E lá vamos nós virar a chave novamente, desta vez para voltarmos as nossas atenções para o Campeonato Brasileiro. Hoje iremos até a NeoQuímica Arena para enfrentar o nosso arquirrival Corinthians em partida válida pela 22ª rodada da competição nacional.

Vindo da vitória épica sobre o Atlético-MG na partida de volta das quartas de final da Libertadores realizada na última quarta-feira (10), o Verdão, líder do campeonato, entra em campo hoje disposto a ampliar a distância em pontos em relação ao segundo colocado, o próprio Corinthians, que atualmente é de 6 pontos.

O jogo contra nossos arquirrivais é o segundo de uma sequência difícil que o Verdão tem pela frente, que começou com o Atlético-MG e terá ainda Flamengo e Fluminense antes de enfrentarmos o Athletico-PR no jogo de ida das semifinais da Libertadores.

O Palmeiras busca sua terceira vitória em três Derbys na temporada. O Verdão venceu os dois primeiros duelos de 2022 e, em caso de novo triunfo, igualará o feito obtido outras duas vezes neste século, em 2007 e 2016, quando levou a melhor sobre o Corinthians nos três encontros do ano.

O Verdão possui retrospecto favorável contra o Corinthians ao longo da história. O Maior Campeão do Brasil já encarou o seu arquirrival 383 vezes, somando 136 vitórias, 116 empates, 131 derrotas, 542 gols marcados e 493 gols sofridos – contabiliza-se todas as partidas em que os clubes se enfrentaram com os seus times principais, independentemente do tempo de jogo e se era amistoso ou campeonato.

Levando em conta apenas duelos válidos pelo Campeonato Brasileiro, o Palmeiras também leva vantagem. No total, foram 65 jogos, com 24 vitórias, 23 empates, 18 derrotas, 84 gols marcados e 61 gols sofridos. Já em confrontos na Neo Química Arena pelo Nacional, o Alviverde precisa de apenas mais um triunfo para igualar o retrospecto geral – atualmente, são três vitórias para o Palmeiras, um empate e quatro resultados positivos para o rival.

Desde 2015, Palmeiras e Corinthians se enfrentaram 15 vezes pelo Brasileirão, com sete vitórias do Verdão, quatro empates e quatro triunfos do rival alvinegro. O Alviverde marcou 24 gols e sofreu 14 neste período.

O Palmeiras anotou pelo menos um gol nos últimos nove clássicos disputados contra o Corinthians – a atual sequência começou no empate por 1 a 1, no dia 08 de agosto de 2020, em duelo válido pela final do Campeonato Paulista daquele ano, que terminou com título alviverde após vitória nos pênaltis. Esta já é a maior sequência de gols marcados contra o rival alvinegro neste século.

Preparação

O Verdão se reapresentou na manhã de quinta-feira (11) na Academia de Futebol para dar início à sua preparação para o Derby de hoje. Como sempre é feito, os jogadores que atuaram por mais de 45 minutos contra o Atlético-MG fizeram atividades regenerativas na parte interna do Centro de Excelência. Os demais foram a campo para trabalhos técnicos. A comissão do Professor Abel Ferreira realizou um trabalho inicial de posse de bola e troca de passes em campo reduzido. Depois, comandou enfrentamentos de oito contra oito e um exercício de finalizações. A principal novidade foi a participação de Bruno Tabata, que treinou pela primeira vez integrado ao elenco. O meia-atacante estava no Sporting-POR e assinou com o Verdão até 2026.

Os jogadores Eduard Atuesta e Bruno Tabata (D), da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol. (Foto: Cesar Greco)

O Palmeiras seguiu com a sua preparação na manhã de sexta-feira (12) na Acaademia de Futebol. No campo, após ativação muscular no Centro de Excelência e de movimentações de aquecimento, os jogadores, divididos em dois times, fizeram trabalhos com objetivos específicos, sobretudo saídas de bola, transições, construções de jogadas etc. Na sequência, com os atletas dispostos por posições, o objetivo foi aprimorar ênfases táticas. Os mais degastados pela classificação na Libertadores na quarta (10), contra o Atlético-MG, no Allianz Parque, saíram mais cedo.

Os jogadores Fabinho e Flaco López (D), da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol. (Foto: Cesar Greco)

Escalação

Pendurados: Gustavo Gómez, Gabriel Menino, Rony, Abel Ferreira (treinador), Vítor Castanheira (auxiliar técnico) e João Martins (auxiliar técnico)
Suspensos: não há
Retorno de suspensão: Murilo, Marcos Rocha e Piquerez (todos por terceiro cartão amarelo)

Mais uma vez a escalação está causando polêmica na torcida. Há os que querem que o Palmeiras entre em campo com o time titular, com força máxima, por se tratar de um Derby, um clássico contra o nosso arquirrival na casa dele. Por outro lado há aqueles que querem um time misto, pois temem que o desgaste da sequência de jogos cause alguma lesão num jogador importante. E há ainda aqueles que creem que um time formado apenas por jogadores reservas seria capaz de enfrentar e vencer o Timão.

Temos que considerar que a partida contra o Galo desgastou muito os nossos jogadores, por jogarmos com dois jogadores a menos.

Precisamos analisar a situação do nosso rival para que possamos definir qual o melhor time para entrar em campo. O Corinthians foi recentemente eliminado da Libertadores pelo Flamengo. Está na segunda colocação no Brasileirão, seis pontos atrás do Palmeiras e ficará nove pontos atrás se perder esta partida, podendo inclusive cair para a terceira posição, dependendo do resultado dos outros jogos. E enfrentará o Atlético-GO pela Copa do Brasil na próxima semana, em jogo eliminatório. O Coringão entrará em campo sob forte pressão, até por estar jogando em casa, enquanto o Verdão está muito forte e vindo embalado.

A provável escalação do Palmeiras é:  Weverton; Mayke na lateral direita e Piquerez na lateral esquerda; Gustavo Gómez e Murilo na zaga; Danilo, Raphael Veiga e Zé Rafael no meio-campo; Rony, Flaco López e Dudu no alinha de ataque.

*Pré-Jogo concluído em 13/08/2022 às 16:00.

*Escalação confirmada às 18:00

O Professor Abel Ferreira escalou o seguinte time para esta partida: Weverton; Mayke, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Raphael Veiga e Zé Rafael; Rony, López e Dudu. Esquema tático inicial 4-2-3-1.

É praticamente todo o nosso elenco titular, com as ausências apenas de Gustavo Scarpa e Marcos Rocha. Perfeitamente capaz de enfrentar e vencer o Timão, sem muitos sustos.

O jogo

A partida começou bem movimentada e logo no primeiro minuto Veiga foi parado por Piton, na primeira falta da partida. E pouco depois o corintiano Fausto levava o primeiro cartão amarelo do jogo após cometer falta dura em Rony. Parecia que o jogo seria bem violento.

Nossa primeira oportunidade veio aos 3 minutos com o Veiga cobrando a falta sofrida pelo Rony e a defesa afastando na área. No rebote Dudu cruzou mas Rony recebeu a bola já impedido.

Aos 8 minutos Mayke atacou pela esquerda e cruzou mas a defesa fez o bloqueio. No minuto seguinte Rony tentou arrancar pela esquerda mas o adversário conseguiu cortar a jogada.

Aos 22 minutos nova oportunidade em jogada de bola parada, com o Veiga cobrando escanteio na área e Murilo desviando de cabeça por cima do gol. Dois minutos depois Rony recebeu em profundidade e finalizou obrigando Cássio a fazer a defesa!

O jogo seguia relativamente equilibrado e aos 29 minutos Rony recebeu e dominou na meia-lua mas estava em situação irregular. Aos 36 minutos Flaco López recuperou a bola no meio-campo e tocou pelo Zé Rafael, que chutou e a defesa desviou dando escanteio para o Verdão!

Piquerez fez cobrança curta na área e Gómez desviou para o gol mas estava impedido. Aos 42 minutos Danilo entortou a marcação no campo de defesa e fez um lançamento longo para o Rony, que matou no peito e finalizou por cima do gol de Cássio! Após 2 minutos de acréscimos terminou o primeiro tempo na NeoQuímica Arena. Placar parcial: Corinthians 0x0 Palmeiras.

Foi um primeiro tempo equilibrado com os Gambás tendo uma leve vantagem na posse de bola (52%) e mais finalizações (7 a 5).

Voltamos para a segunda etapa sem alterações no time. Nem bem o juiz apitou o início do segundo tempo e Rony  já disparou em velocidade e chutou para o gol, a bola desviou na zaga e Cássio fez a defesa.

Aos 9 minutos boa jogada no ataque com o Veiga tocando para o Rony, que cortou para a direita, chutou colocado e mandou por cima da meta! Pouco depois, aos 12 minutos, Dudu recebeu a bola no lado direito mas finalizou com um chute fraco direto pra fora!

Aos 17 minutos o Professor Abel Ferreira fez as nossas primeiras substituições com o Gabriel Menino e o Wesley entrando em substituição ao Rony e ao Veiga. Dois minutos depois López fez um centro na área e Fagner conseguiu afastar. Na sequência Mayke cruzou da direita e Mendéz conseguiu cortar antes da conclusão.

O Verdão estava mais ofensivo na segunda etapa e aos 22 minutos Gabriel Menino cobrou escanteio e Piton afastou. Na sequência Wesley cruzou na área mas não tinha nenhum jogador do Verdão para receber!

Aos 27 minutos Dudu interceptou passe de Fagner, puxou contra-ataque e acionou Wesley no lado esquerdo, que rolou na linha de fundo para Piquerez. O uruguaio cruzou na área, o Roni genérico tentou impedir a conclusão do Flaco López e acaba fazendo um gol contra! Placar aberto na NeoQuímica Arena! Gambás 0x1 Porco!!

Aos 30 minutos o Professor Abel Ferreira fez nova substituição com o Bruno Tabata estreando e entrando em substituição ao Dudu. O Verdão esteve bem mais ofensivo comparado ao primeiro tempo. Aos 41 minutos o Professor fez nova substituição com a entrada do Rafael Navarro em substituição ao Flaco López. Após 4 minutos de acréscimos a partida terminou na NeoQuímica Arena com vitória do Verdão no Derby! Placar final: Corinthians 0x1 Palmeiras!!

Foi um clássico até que morno, considerando-se a forte rivalidade entre as equipes. O Palmeiras venceu o terceiro Derby do ano com um gol contra. Por ironia, foi um gol do Roni, o genérico!

O elenco alviverde se mostrou cansado, jogando num ritmo mais baixo que o normal, o que é compreensível se considerarmos a intensidade do jogo recente contra o Galo. Apesar disso o Verdão não foi inferior ao Timão, que apesar de muitas vezes ter a vantagem nos números só conseguiu oportunidades explorando os erros do Palmeiras. O Corinthians teve muita dificuldade em construir jogadas e ofereceu pouco perigo ao Verdão.

Consolidamos a nossa liderança no Brasileirão com 48 pontos e abrimos 9 pontos de vantagem em relação ao Corinthians, que pode cair para a terceira colocação. Nesse cenário o Verdão permanecerá sete pontos à frente do segundo colocado, que poderá ser o Fluminense, que se vencer nesta rodada chegará a 41 pontos.

Bruno Tabata já fez a sua estreia com a camisa do Verdão e agora é mais uma opção para a composição do time, o que é importante para a sequência de jogos difíceis que ainda temos pela frente.

Bora aproveitar a noite de sábado e abrir aquela Heineken esperta para comemorar mais uma vitória do Verdão!

Nosso próximo compromisso será no domingo (21) quando receberemos o Flamengo no Allianz Parque para partida válida pela 23ª rodada do Brasileirão. Teremos uma semana para descansar o nosso elenco e preparar os jogadores para o confronto com o time carioca.

Até lá e #AvantiPalestra!

 

*Sander Souza é editor do Vida Destra Esportes.

 

Sigam Vida Destra Esportes no Twitter: @EsportesVD, no Instagram: @esportes_vd, no Canal do Telegram: https://t.me/EsportesVD e venham participar também do nosso grupo de debates de esportes: https://t.me/BotecoVDE

Sander R. Souza
Acompanhe me
Últimos posts por Sander R. Souza (exibir todos)
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments