Por Vinicius Mariano                                                                              @viniciussexto

 

Em reunião realizada na última semana, a Vice-Presidente Nacional do PTB, Graciela Nienov, falando em nome do Presidente Roberto Jefferson, e os 26 presidentes de diretórios estaduais, decidiram formalizar o convite ao presidente da República, Jair Bolsonaro, para que se filie ao Partido Trabalhista Brasileiro, possibilitando sua candidatura à reeleição. Os dirigentes petebistas formularam uma carta a ser enviada a Bolsonaro, na qual afirmam que o partido está unido, forte, robusto e pronto para recebê-lo, assim como deputados, senadores, líderes estaduais e municipais que queiram ingressar no PTB.

Os membros da Executiva Nacional do PTB e os Presidentes Estaduais do PTB decidiram sinalizar ao Presidente da República que o partido, nas palavras de um dos membros, “é a verdadeira Casa do Conservador Brasileiro, e está projetado para receber como membros os seus descendentes, em especial aqueles que retornam à antiga morada“.

Alterações no estatuto

No ano de 2020, o presidente do PTB, Roberto Jefferson, propôs uma série de modificações no estatuto do partido, que o levaram para a direita. Com isso, grandes nomes da política, como o deputado Douglas Garcia (PTB-SP), se filiaram à legenda, que, se contar com a filiação de Jair Bolsonaro, será o maior partido de direita do Brasil.

 

*Esta notícia pode ser atualizada a qualquer momento.

 

Receba de forma ágil todo o nosso conteúdo, através do nosso canal no Telegram!

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments