Por que a eleição americana está tendo tanta repercussão no Brasil?

Aqueles que dizem que não mais existem esquerdas e direitas, na maioria das vezes, fazem parte de uma variante socialista com tendência ao centro, ou traduzindo: um pusilânime que não quer criar arestas.

Dizem eles, os “isentos”, que há uma terceira via, a da conciliação, da camaradagem, enfim, da neutralidade.

A origem da dualidade é bíblica, porém as revoluções sangrentas na França monárquica nos revela, com mais realismo, que quem defende o Rei está à direita e o contrário à esquerda. Em tempos como este, não dá para ser morno…

Então vivemos entre o certo e o errado, o brilhante e o fosco, etc.

A mídia “mainstream” nos leva a crer que os EUA comandam todas as decisões pelo mundo afora. Nada mais falacioso! Uma coisa é a eleição, outra coisa é a política traçada para o mundo que não depende do presidente, e sim do congresso. Se existe um terceiro país igual ao Brasil e os EUA, neste momento, não sei.

Nessas nações coexistem gente de todos os lugares do mundo, pois acolheram juntas 50 milhões de imigrantes ao mesmo tempo. Somos parecidos e não iguais!

Se essa eleição trará consequências ao nosso país, cabe a nós as defesas necessárias e negociações, somos soberanos ganhe quem ganhar!

 

Welton Reis, para Vida Destra, 7/11/2020.
Sigam-me no Twitter! Vamos conversar sobre o artigo! @weltonrei

Últimos posts por Welton Reis (exibir todos)
Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
mais antigos
mais novos mais votados
Inline Feedbacks
View all comments
Sander Souza
Editor
10 meses atrás

Parabéns pelo excelente artigo e pela importante reflexão!
Não importa quem ganhe, teremos que lidar, enquanto nação, com as consequências!

Nunes
Admin
10 meses atrás

Trecho excelente a destacar : ” Se essa eleição trará consequências ao nosso país, cabe a nós as defesas necessárias e negociações, somos soberanos ganhe quem ganhar! “

Luiz Antonio
10 meses atrás

No brilhante artigo de @weltonrei s/as eleições americanas, ficarei com a última frase: ganhe quem ganhar. A lição foi espetacular e não podemos coadunar com bugs e apagões, q alteram a resultado da eleição. PEC 135/2019 neles!