Quando era mais moço, lá pelos vinte e poucos, encontrei no subsolo do prédio onde morava, um filhote de gato com as patas em ferida aberta e com bicheira. Com muito pena do animal, liguei para um veterinário que cuidava do cachorro de um conhecido perguntando o que eu poderia fazer pelo gatinho, ao que ele me respondeu, que o levasse para ele dar uma olhada. 

Surpreso, eu lhe respondi que não tinha dinheiro para cobrir os custos de uma consulta e, novamente. ele me surpreendeu com sua resposta: 

Não se preocupe com isso, tenho uma cota de animais que atendo de graça por mês!

Essa é a atitude de uma pessoa que quer fazer a diferença na vida de alguém — no caso dele, indiretamente, já que fazia na vida dos animais — cristão, amante dos animais e da profissão que escolheu!

Quantos de nós, mais velhos, não tivemos aqueles professores que fizeram a diferença em nossas vidas, que amavam a profissão, coisa tão rara de se ver hoje em dia, que separavam um tempo, sentavam ao nosso lado para explicar alguma dúvida?

Quantos médicos, mesmo depois de um dia duro de trabalho, ou às vezes em seu dia de lazer, resolvem fazer sua caridade e atender alguns necessitados!

Se procuramos, encontraremos alguns tentando fazer a diferença para outros!

E por que conto isso?

Já repararam que, nas campanhas eleitorais — sejam municipais, estaduais ou federais — tem sempre aquele candidato professor ou médico dizendo: “vote em mim para mudarmos a educação, ou vote em mim para melhorar o sistema de saúde!”, ou então, aquele cidadão afro dizendo: “vote em mim contra o racismo!” ?

Ninguém luta só por uma causa, ou ninguém sozinho irá mudar nada, então se a intenção deles for mesmo essa, o melhor a fazer, seria seguir os exemplos dados acima, pois assim estariam fazendo a diferença na vida de alguém!

E ainda existem alguns exemplos piores, como os candidatos taxistas, normalmente pedindo votos aos companheiros na luta contra os motoristas de aplicativos, ou vice-versa, que vão passar a vida num imaginário cabo-de-guerra uns contra os outros, sem nenhum serviço prático a nação, ou ao povo. 

Então, aqui vai um conselho:

Quando for escolher seu candidato, observe aquele que não defende uma minoria, ou uma parcela da população, ou pior, aquele que defende uma categoria ou uma classe, escolha aquele que queira melhorar o país na totalidade, aquele que sabe que melhorando o país, irá melhorar a vida de todos.

Tenham em mente, que um Senado, ou uma Câmara federal, estadual ou municipal cheia de diferentes causas, não funciona — uma andorinha só, não faz verão, dizia minha avó —  nem vai melhorar nada para ninguém, mas essas casas cheias de pessoas querendo tornar o país grande, fará que suas instituições funcionem e sua economia cresça, trazendo justiça social para todos e erradicando a miséria. 

Lembram da frase? 

Brasil Acima de Tudo, Deus Acima de Todos

 

 

Adilson Veiga, para Vida Destra, 23/11/2021.
Vamos discutir o Tema! Sigam-me no Twitter @ajveiga2 e no GETTR @ajveiga2

 

Receba de forma ágil todo o nosso conteúdo, através do nosso canal no Telegram!

 

As informações e opiniões expressas neste artigo são de responsabilidade de seu(s) respectivo(s) autor(es), e não expressam necessariamente a opinião do Vida Destra. Para entrar em contato, envie um e-mail ao contato@vidadestra.org
Adilson Veiga
Acompanhe me
Últimos posts por Adilson Veiga (exibir todos)
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments