País também elegeu os membros da Assembleia Constituinte

 

A direita chilena foi a grande derrotada das eleições regionais e municipais realizadas neste domingo, paralelamente ao pleito para eleger os 155 constituintes que irão redigir a nova Constituição do país, no qual os conservadores também colheram resultados decepcionantes.

Nas eleições regionais, nas quais pela primeira vez foram eleitos os governadores dos 16 departamentos do país, apenas três candidatos obtiveram apoio suficiente para não disputar o segundo turno – todos eles de esquerda -, enquanto nas eleições municipais a direita perdeu bastante força, passando das 145 prefeituras de 2016 para 88.

 

*Esta notícia pode ser atualizada a qualquer momento.

*Fonte: Agência EFE

 

Receba de forma ágil todo o nosso conteúdo, através do nosso canal no Telegram!

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
mais antigos
mais novos mais votados
Inline Feedbacks
View all comments
Alvaro
Alvaro
1 ano atrás

Parece piada mas quanto mais deixam rastro de destruição mais aparece eleitor. Incompreensível.