Já falei muito sobre esse assunto em posts, artigos, mas infelizmente tenho que continuar a apertar as mesmas teclas, pois o assunto, é importante.

O mal, desde que foi expulso dos Céus está solto no mundo e, se antes escolhia indivíduos, hoje sua ação é global, diuturna e sem descanso!

Seus agentes, não param!

Segundo O Livro Negro do Comunismo cerca de 90 milhões de pessoas, morreram vítimas do comunismo, fora seu irmão siames, o nazismo, que matou perto de 3 milhões de judeus no mundo.

Como diz meu amigo e irmão Angelo Lorenzo: “socialista/comunista são possuídos pelo mal, e só com intervenção Divina para haver libertação”!

E pode ter certeza que o inimigo sempre atacará onde ele se sente mais frágil e, não a toa, o Brasil e os EUA, dois países cristãos e conservadores, são os atuais alvos!

Em 2020 o Brasil teve 43.892 mortes, decorrentes de violência, o que já é, um indício do Mal que anda por aqui – porém isso ainda piora quando olhamos de perto alguns desses crimes.

Família carbonizada no ABC: filha e namorada são presas por planejar crime;

Caso Isabele: adolescente mata amiga com arma do pai em condomínio de luxo em Cuiabá;

Dois sem-teto mortos morrem após comerem marmitas doadas com veneno de rato;

Menina de 10 anos estuprada pelo tio no Espírito Santo tem gravidez interrompida;

Homem mata a facadas a ex-mulher e a ex-sogra em festa de aniversário na Zona Leste de SP.

Mas não para por aí! O Mal age, principalmente, no coletivo!

E neste sentido vemos os políticos de esquerda e a extrema-imprensa, diariamente, sem descanso, lutando por pautas como privação da liberdade de expressão e de locomoção,  que só trazem sofrimento, dor, e miséria à população, mesmo que para isso contem com uma suprema corte totalmente aparelhada, conivente com suas ideologias – que sequer precisa  ser provocada, quando o assunto é favorecer o mal.

Contagem de mortos por pandemia (com satisfação), negar informações e fatos precisos, negar tratamento precoce, impedir o governo federal de melhorar a economia do país, lockdowns intermináveis que acabam com empresas e empregos, exaltando consumo de drogas, abortos, incestos, soltura e defesa de condenados comprovadamente culpados  – contra vontade popular – só para posicionar-se contra um governo conservador: tudo isso só pode ser descrito, como ação do maligno.

Quando da destruição da humanidade pelo dilúvio, enquanto Noé oferecia um sacrifício em altar pelo holocausto, o Senhor  prometeu para si mesmo que jamais destruiria a humanidade novamente:

O Senhor respirou um agradável odor, e disse em seu coração: ‘Doravante, não mais amaldiçoarei à terra por causa do homem porque os pensamentos do seu coração são maus desde a sua juventude, e não ferirei mais todos os seres vivos, como o fiz.

Enquanto durar à terra, não mais cessarão a sementeira e a colheita, o frio e o calor, o verão e o inverno, o dia e a noite.’” (Gn 8,20-21)

E novamente a humanidade se mostrou indigna, porém desta vez, por amar tanto os que criou, por amar seus filhos, Ele cumprindo sua promessa, sacrificou seu filho unigênito.

Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.” (Jo 3,16)

Mas o Pai, que sabe de todas as coisas, sabia que a humanidade continuaria a alimentar o Mal, por isso, temos a promessa da volta de Jesus:

“Quando o Filho do Homem voltar na sua glória (…) todas as nações se reunirão diante dele e ele separará uns dos outros, como o pastor separa as ovelhas dos cabritos. (…) Então o Rei dirá aos que estão à direita: – Vinde, benditos de meu Pai, tomai posse do Reino que vos está preparado desde a criação do mundo, porque tive fome e me destes de comer; tive sede e me destes de beber; era peregrino e me acolhestes; nu e me vestistes; enfermo e me visitastes; estava na prisão e viestes a mim. (…) – Em verdade eu vos declaro: todas às vezes que fizestes isto a um destes meus irmãos mais pequeninos, foi a mim mesmo que o fizestes. Voltar-se-á em seguida para os da sua esquerda e lhes dirá: – Retirai-vos de mim, malditos! Ide para o fogo eterno destinado ao demônio e aos seus anjos.” (Mt 25, 31-41)

Precisamos orar, ser resilientes, e principalmente lutar!

Não podemos de maneira alguma ser coniventes com o Mal, não podemos venerá-lo e muito menos sermos complacentes, ou pacientes com ele. A luta, sobretudo, é espiritual.

“Porque não temos que lutar contra carne e sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.” (Ef  6,12)

 

 

Adilson Veiga, para Vida Destra, 27/04/2021.
Vamos discutir o Tema! Sigam-me no Twitter @ajveiga2 e no Parler @AJVeiga

 

Receba de forma ágil todo o nosso conteúdo, através do nosso canal no Telegram!

 

As informações e opiniões expressas neste artigo são de responsabilidade de seu(s) respectivo(s) autor(es), e não expressam necessariamente a opinião do Vida Destra. Para entrar em contato, envie um e-mail ao [email protected]
Adilson Veiga
Acompanhe me
Últimos posts por Adilson Veiga (exibir todos)
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
mais antigos
mais novos mais votados
Inline Feedbacks
View all comments
Gil
Gil
14 dias atrás

Realmente o mal está espalhado por todos os cantos do planeta. Desde de minha adolescência venho tentando entender a existência do ‘mal’ e como ele atua no planeta. Após minhas leituras (mistureba total) por longos anos, cheguei a conclusões bem distinta da maioria. Para mim só existe Um Poder Real: Deus! O mal (forças involutivas) como o conhecemos, não sufgiu na terra, mas veio de outro planeta. (porquê veio e porquê foi permitido, é outro papo). Nem vou entrar nos assuntos livre-arbítrio, karmas, ciclos evolutivos da humanidade, dos reinos terrestres, etc., pois não vêm ao caso. Finalizo assim: segundo instrutores… Read more »