Por Sander Souza                                                                                                        @srsjoejp

 

Palmeiras x Inter

 

Pré-jogo

Quando surge, palestrinos!

Seguindo na busca por mais três pontos, o Verdão foi até Porto Alegre, para enfrentar o Inter, no Beira-Rio, em partida válida pela 8ª rodada do Brasileirão. Vindo da vitória de 3 x 2 sobre o Bahia, no último domingo, o Verdão entrou em campo preparado para enfrentar o Inter, que vinha do empate com o América-MG.

O Verdão treinou nos dias 28 e 29/06, com boa mescla de titulares e reservas:

Para esta partida, o Professor Abel Ferreira montou um time no esquema tático 4-2-3-1, ou pelo menos foi isso que entendi, com Jailson fechando o nosso gol, Benjamin Kuscevic e Luan, na zaga; Renan, na lateral esquerda e Marcos Rocha, na lateral direita; Danilo, Gustavo Scarpa e Zé Rafael, no meio campo; e Breno Lopes, Deyverson e Raphael Veiga, atuando no ataque. Destaque para o fato de Victor Luís ficar na reserva, com Renan entrando em seu lugar. Veremos como essa composição atuará contra o Inter.

O Jogo

O Verdão entrou em campo mostrando que não estava para brincadeira, e já aos 3 minutos, a primeira grande chance do Alviverde, com Marcos Rocha cruzando rasteiro, e Breno Lopes roubando a bola da zaga adversária e finalizando mas mandando pra fora! Seguindo na pressão, aos 8 minutos, em cobrança de escanteio a bola sobrou para Veiga, que bateu de fora da área e Deyverson desviou para o fundo do gol adversário, abrindo o placar na fria Porto Alegre! Porco 1 x 0 Colorado.

O Palmeiras seguiu com boa posse de bola, criando boas jogadas. Pensei que o frio do sul atrapalharia, mas parece que o Porco gostou do frio, kkk! Mas o Inter também pressionou, embora cometesse erros que o Verdão não soube aproveitar. Aos 35 minutos, o Inter chegou ao nosso campo defensivo, com Edenilson cabeceando, mas com o Jailson voando e fazendo a defesa. Aliás, Jailson fez várias boas defesas! Logo em seguida, aos 36 minutos, Breno Lopes mandou para o fundo do gol, mas foi marcado impedimento! No finalzinho do primeiro tempo, o Inter começou a pressionar mais, mas terminamos a primeira etapa na frente!

Voltamos para o segundo tempo, com o Victor Luís entrando no lugar de Breno Lopes. Na verdade não entendi o porquê do melhor em campo ter sido substituído. O Palmeiras que entrou em campo para o segundo tempo, não tinha nada a ver com aquele do primeiro tempo! Aos 11 minutos, numa cobrança de falta, Scarpa cruzou com perfeição para Kuscevic, que cabeceou por cima do gol. Aos 13 minutos, Zé Rafael partiu pela esquerda e rolou para Veiga que bateu para o gol, mas o goleiro conseguiu defender.

Aos 19 minutos, depois de uma decisão controversa do árbitro, que puniu duplamente o Palmeiras, com a marcação correta de um pênalti, e com um vermelho para Kuscevic, ficamos com um jogador a menos em campo. E o Edenilson converteu o pênalti para o Inter. Porco 1 x 1 Colorado!

Com a nova situação, aos 23 minutos o Professor Abel Ferreira fez substituições, com Felipe Melo, Danilo Barbosa e Gabriel Menino entrando no lugar de Scarpa, Zé Rafael e Marcos Rocha. Aos 34 minutos, numa cobrança de falta, Victor Luís cruzou na área, e Renan desviou de cabeça, mas mandou por cima do gol. Pouco depois, aos 38 minutos, Deyverson invadiu a área em contra-ataque mas pecou na finalização, e o goleiro fez a defesa!

Com um homem a menos, só nos restou segurar o empate. Aos 41 minutos, numa jogada à queima-roupa do adversário, Jailson fez uma defesa ESPETACULAR! Mesmo com tudo contra, seguimos tentando o desempate, e aos 43 minutos, Veiga partiu pela direita e cruzou rasteiro, mas o goleiro fez a defesa! Na sequência, num contra-ataque, Danilo concluiu encobrindo o goleiro, desempatando o jogo no Beira-Rio. Porco 2 x 1 Colorado!

Nos acréscimos, aos 48 minutos, fizemos nossa última substituição, com Patrick de Paula entrando no lugar de Raphael Veiga. Apesar das dificuldades, seguramos o placar até o desempate, que veio já no final. Resultado final no sul: Porco 2 x 1 Colorado!

A partida teve dois momentos distintos. Fomos muito bem no primeiro tempo, mas com a saída de Breno Lopes, que foi o melhor jogador em campo no primeiro tempo, por problema físico (imagino), nosso segundo tempo começou completamente diferente. A arbitragem foi um capítulo à parte!  E além de lento em campo, a atitude de Kuscevic complicou a nossa vida! Foi muito ingênuo! Destaques de hoje foram Breno Lopes, Danilo e Jailson!

Mas o importante é que vencemos o Inter, na casa do adversário, e como disse um amigo meu, hoje é Porco Alegre!

E meu amigo, o resenhista Lucas Valandro, vai dormir triste hoje!! Chupa, colorado! Acabou a superioridade do Inter sobre o Verdão!!

Agora bora jantar e dormir feliz!!

 

AVANTI PALESTRA!!!

 

*Sander Souza é diretor de jornalismo do Vida Destra.

 

Sigam Vida Destra Esportes no Twitter: @EsportesVD, no Instagram: @esportes_vd e no Canal do Telegram : https://t.me/EsportesVD

 

As informações e opiniões expressas neste artigo são de responsabilidade de seu(s) respectivo(s) autor(es), e não expressam necessariamente a opinião do Vida Destra Esportes. Para entrar em contato, envie um e-mail ao [email protected]

 

Sigam
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments