Por Nancy de Matos

 

Tenho, como católica, expressado meu sentimento de angústia e decepção, sobre o pontífice Papa Francisco. Para muitos, parece radical. Tenho subido uma hashtag no Twitter #PapaComunista, praticamente sozinha.

Hoje coloco aqui a posição da Igreja Católica diante do Comunismo. Foi justamente essa posição que levou milhões de pessoas às ruas na Marcha da Família, em 1964. Essa história foi recontada pelos comunistas, hoje infiltrados em universidades e escolas, em vários patamares da sociedade, no meio artístico, na Imprensa, e até em nossa casa Mor, através do Papa Francisco.

Os comunistas de outrora nos recontam uma história de ditadura. Ditadura esta onde o cidadão comum tinha mais liberdade e o Brasil tinha ordem e progresso, conforme o lema de nossa bandeira!

Seguem abaixo dois trechos da Carta Encíclica Divini Redemptoris, datada em 19 de março de 1937, ano XVI do Nosso Pontificado, para nossa reflexão:

 

CARTA ENCÍCLICA DIVINIS REDEMPTORIS

DE SUA SANTIDADE PAPA PIO XI

AOS VENERÁVEIS IRMÃOS, PATRIARCAS, PRIMAZES, ARCEBISPOS, BISPOS E DEMAIS ORDINÁRIOS EM PAZ E COMUNHÃO COM A SÉ APOSTÓLICA

 

SOBRE O COMUNISMO ATEU

 

PREMUNIR-SE CONTRA AS CILADAS DO COMUNISMO

  1. (…)O comunismo é intrinsecamente perverso e não se pode admitir em campo nenhum a colaboração com ele, da parte de quem quer que deseje salvar a civilização cristã. E, se alguns, induzidos em erro, cooperassem para a vitória do comunismo no seu país, seriam os primeiros a cair como vítimas do seu erro; e quanto mais se distinguem pela antiguidade e grandeza da sua civilização cristã as regiões aonde o comunismo consegue penetrar, tanto mais devastador lá se manifesta o ódio dos “sem-Deus”.

APELO PATERNO AOS TRANSVIADOS

  1. Mas não podemos pôr termo a esta Carta Encíclica, sem dirigir uma palavra àqueles mesmos filhos Nossos que estão já contagiados ou tocados do mal comunista. Exortamo-los vivamente a que ouçam a voz do Pai que os ama; e rogamos ao Senhor que os ilumine, para que deixem o caminho que os despenha a todos numa imensa e catastrófica ruína, e reconheçam também eles que o único Salvador é Jesus Cristo Senhor Nosso: “porque não há sob o céu nenhum outro nome dado aos homens, pelo qual possamos esperar ser salvos” (At 4, 12).

 

Receba de forma ágil todo o nosso conteúdo, através do nosso canal no Telegram!

 

As informações e opiniões expressas neste artigo são de responsabilidade de seu(s) respectivo(s) autor(es), e não expressam necessariamente a opinião do Vida Destra. Para entrar em contato, envie um e-mail ao [email protected]
Últimos posts por Espaço Aberto (exibir todos)
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments