Elon Musk constantemente divulgava o Bitcoin e Dodge no seu perfil no Twitter como forma de brincadeira. Mas por trás dessa brincadeira, há uma compra equivalente a US$ 1,5 bilhão da criptomoeda, além da Tesla aceitar criptomoedas como meio de pagamento para compra de seus carros, de acordo com um documento enviado à SEC nesta segunda-feira, 8 de Fevereiro:

“Depois disso, investimos um total de US$ 1,50 bilhão em bitcoin sob esta política e podemos adquirir e manter ativos digitais de tempos em tempos ou de longo prazo. Além disso, esperamos começar a aceitar bitcoin como forma de pagamento por nossos produtos em um futuro próximo, sujeito às leis aplicáveis ​​e inicialmente de forma limitada, que podemos ou não liquidar após o recebimento.”

“Em janeiro de 2021, atualizamos nossa política de investimento para nos fornecer mais flexibilidade para diversificar ainda mais e maximizar o retorno sobre nosso caixa que não é necessário para manter a liquidez operacional adequada. Como parte da política, que foi devidamente aprovada pelo Comitê de Auditoria de nosso Conselho de Administração, podemos investir uma parte desse dinheiro em certos ativos de reserva alternativos, incluindo ativos digitais, barras de ouro, fundos negociados em bolsa de ouro e outros ativos conforme especificado no futuro “.

“Realizamos negócios globalmente em várias moedas e temos riscos cambiais relacionados à receita, custos, despesas operacionais e dívida denominada em outras moedas que não o dólar americano; em especial, em yuan chinês, euro, dólar canadense e libra esterlina. Se não tivermos receitas totalmente compensadas nessas moedas e se o valor do dólar americano se desvalorizar significativamente em relação a essas moedas, nossos custos, medidos em dólares americanos como um percentual de nossas receitas, aumentarão correspondentemente, e nossas margens sofrerão. Além disso, embora realizemos atividades de hedge limitadas com o objetivo de compensar o impacto da exposição de conversão de moeda, é impossível prever ou eliminar esse impacto. Como resultado, nossos resultados operacionais podem ser prejudicados.”

O bitcoin chegou à casa dos US$ 44 mil. Por volta das 10h40, a cotação da criptomoeda acumulava alta de 13,6%, a US$ 44.023,72.

 

 

  • Esta notícia pode ser atualizada a qualquer momento.

 

Vamos discutir o Tema. Sigam o perfil do Vida Destra no Twitter @vidadestra !

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments