Por Felipe Silva                                                                                                              @felipe4710

 

Semifinal do Campeonato Carioca: Flamengo x Volta Redonda

Volta Redonda e Flamengo se enfrentaram no estádio Raulino de Oliveira, valendo uma vaga na final do Cariocão. O Flamengo estava em busca do tricampeonato carioca, mas para isso precisava passar pelo Voltaço no primeiro jogo da semifinal. O Flamengo entrou em campo com um time misto, já pensando no jogo de terça feira dia 04/05, contra a LDU pela taça Libertadores. O Flamengo teve os desfalques de: Gerson, com dores na coxa esquerda; Rodrigo Caio, ainda se recuperando se uma fibrose; Felipe Luis e Gabigol poupados; Léo Pereira fora por opção técnica, pelo motivo de faltar a treino do Flamengo e por isto foi multado pela diretoria.

Agora vamos a análise do jogo, nação Rubro Negra:

Logo no início da partida o Flamengo pressionou a saída de bola do Volta Redonda e com Pedro, teve grande chance de abrir o placar logo aos 2 minutos de jogo. Depois Everton teve três chances claras de gol, mas infelizmente continua com sua saga de estar passando por uma fase ruim. O meia atacante desperdiçou grandes chances aos 21 minutos, 22 minutos com a bola raspando a trave do arqueiro do Voltaço, e aos 26 minutos a bola bateu na trave no chute cruzado de Everton, faltou sorte ao avançado.

Já do lado do time de Volta Redonda, a primeira chance de gol no primeiro tempo apareceu apenas aos 36 minutos, com Luciano Naninho, obrigando o arqueiro Diego Alves a fazer grande defesa. Depois, o Voltaço teve mais uma chance com Alef Manga, finalizando cruzado com a bola beijando a trave do mengão. A falta de sorte  para Everton estava sobrando para Diego Alves. E assim terminou o primeiro tempo, com, 64% de posse de bola para o Fla e incríveis 200 passes e 10 finalizações. Um primeiro tempo onde o Flamengo dominou o seu adversário.

 

 

Na volta para o 2° tempo, o Flamengo voltou com sede de gol e quis finalizar a partida logo no início da etapa final, aos 5 minutos Pedro abre o placar numa linda jogada de Michael chegando a linha de fundo, cruzando rasteiro para o atacante Pedro dominar e chutar no ângulo. Aos 8 minutos, Michael fez outra grande jogada agora pelo lado esquerdo, cruzando rasteiro em direção a segunda trave e Pedro apareceu para empurrar a bola para dentro como um típico matador!

Depois disto o jogo ficou morno, pois o mengão nitidamente estava se poupando para terça-feira enfrentar a LDU em Quito, na altitude equatoriana. Somente aos 25 minutos com as entradas de Arrascaeta e Diego Ribas, o jogo esquentou de novo com algumas investidas do mengão ao ataque; e somente aos 36 minutos do 2° tempo o time do Volta Redonda levou perigo a meta do mengão, obrigando o goleiro Diego Alves a fazer outra grande defesa.

E para sacramentar a noite inspirada do atacante Pedro e a equipe do Flamengo, que apresentou um bom futebol, aos 49 minutos da etapa final, De Arrascaeta aproveitou a falha do zagueiro do time da cidade do aço, e cruzou a bola com categoria para a grande área, onde Pedro usou o peito como se estivesse jogando futevôlei, empurrando a bola para o fundo das redes,  fazendo seu terceiro gol na partida e marcando seu primeiro hit trick pelo time Rubro Negro, decretando a vitória e a boa vantagem do Fla para o próximo jogo no Maracanã

Uma visão diferente do jogo, de um Flamenguista até morrer!!

 

*Felipe Silva é um brasileiro apaixonado por futebol e que ama o Flamengo!

 

Sigam Vida Destra Esportes no Twitter: @EsportesVD e no Instagram: @esportes_vd

 

As informações e opiniões expressas neste artigo são de responsabilidade de seu(s) respectivo(s) autor(es), e não expressam necessariamente a opinião do Vida Destra Esportes. Para entrar em contato, envie um e-mail ao [email protected]
Esportes - Vida Destra
Sigam
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments