Único com vitória tranquila foi Verdão que bateu Atlético-GO por  3 a 0

 

Time com melhor campanha ofensiva na primeira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o Vasco passou sufoco neste sábado (15), em Osasco (SP) . O Gigante da Colina empatou com o Audax em 1 a 1 no tempo normal e só garantiu classificação para as oitavas de final após vencer por 4 a 3 na disputa de pênaltis.

 

O Vasco teve a chance de abrir o placar logo aos cinco minutos, quando teve uma penalidade máxima a seu favor após a bola ter sido desviada no braço do zagueiro Edherson. Vinícius foi para a cobrança e acabou chutando para fora. Quatro minutos depois, o Audax abriu o placar, com Dudu, em sua primeira chegada. O Cruzmaltino pressionou e alcançou o empate aos 40 minutos. Pênalti novamente cometido por Edherson, que derrubou Marcos Dias dentro da área. Vinícius desta vez não desperdiçou.

O jogo foi muito equilibrado no segundo tempo, com chances para as duas equipes. O Vasco tentou uma pressão nos últimos minutos, mas finalizou mal. A decisão foi para a cobrança de pênaltis. O primeiro a bater foi Figueiredo, mas o artilheiro do time carioca jogou para fora. Tudo ia muito bem para o Audax até que Ifeanyi foi para a quarta cobrança. O camisa 4 tentou uma cavadinha e o goleiro Cadu agarrou com facilidade. Nas duas últimas batidas, o Cruzmaltino marcou com Marlon Santos e Cadu defendeu mais uma, desta vez de Luan Lima.

Cadu sobressaiu na classificação do clube carioca às oitavas da Copinha. O goleiro cruzmaltino defendeu dois pênaltis na vitória por 4 a 3 sobre o Audax-SP- Alexandre Neto/Vasco/Direitos Reservados

Na próxima fase o Vasco enfrenta o vencedor de São Paulo x São Caetano.

Internacional e Palmeiras se enfrentam nas oitavas

No início da tarde de sábado (15), Internacional e Portuguesa travaram um duelo acirrado em Santana do Paranaíba (SP). Durante os 90 minutos ninguém conseguiu estufar a rede adversária, então a classificação para as oitavas de final foi para a disputa de pênaltis. Melhor para o atual campeão da Copinha, o Inter, que acertou todas as cobranças, enquanto a Lusa perdeu a quarta tentativa. Carlos Henrique bateu no lado esquerdo e Lucas Flores defendeu. Estevão marcou o último para o Colorado e provocou a torcida adversária. Os jogadores da Portuguesa reagiram, houve confusão, mas no fim os ânimos se acalmaram.

O Colorado vai enfrentar o invicto Palmeiras, que não encontrou dificuldades para derrotar o Atlético-GO por 3 a 0 na manhã deste sábado, em Diadema. Com 13 minutos no primeiro tempo, o Alviverde já vencia por 2 a 0, com gols de Fabinho e Gabriel Silva. Na etapa complementar, Endrick, grande promessa da equipe e que voltava de Covid-19, entrou no jogo. No primeiro lance, sofreu pênalti e fechou o placar aos 28 minutos.

Ainda neste sábado (15), o Desportivo Brasil passou pelo Iape-MA por 5 a 4, nos pênaltis, após empate em 1 a 1 no tempo normal. A equipe de Porto Feliz (SP) vai pegar Retrô, time de Camaragibe (PE),  ou Cruzeiro. No estádio Conde Rodolfo Crespi, no bairro da Mooca, zona leste de São Paulo, o Canaã derrotou o Juventus por 1 a 0 e aguarda o vencedor de Flamengo e Oeste.

*Esta notícia pode ser atualizada a qualquer momento

*Fonte: Agência Brasil

 

Sigam Vida Destra Esportes no Twitter: @EsportesVD, no Instagram: @esportes_vd, no Canal do Telegram: https://t.me/EsportesVD e venham participar também do nosso grupo de debates de esportes: https://t.me/BotecoVDE

Sigam
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments