O MOSQUITO, TROTSKY e a “GENS DU ROI”

Últimos posts por Fábio Talhari (exibir todos)

  Alguns amigos vieram me perguntar por que eu intitulei minha coluna como “O Mosquito”. Garanto a todos que não é por causa do “Aedes Aegipty” (que veio da África nos navios negreiros, a partir do século XVI). Mas talvez eu possa ser considerado como o “Haemagogus” (mosquito autócne destes país). Na verdade, é por conta de Cândido Aragonez de Faria (12/08/1849☼ – 17/12191† ), ou simplestente, Faria. Foi um grande jornalista, professor, caricaturista e ilustrador brasileiro, fundou no Rio de Janeiro o periódico “O Mosquito”, que é descrito nos…

Ler mais

O QUE AGUARDAR QUANTO A FLÁVIO BOLSONARO

Últimos posts por Fábio Talhari (exibir todos)

  Viver no Brasil não é uma coisa fácil. Mais ainda, quando constatamos que estamos acompanhados de uma esquerda virulenta, perigosíssima. Nas liças de advogados criminalistas, inquéritos policiais e dos processos penais, chamamos de pregressamento a elaboração de um histórico do criminoso. No caso do PT, salta aos olhos que é sub-reptício, uma péssima “capivara”. Em 1986, votaram contra o Plano Cruzado. Em 1988, votaram contra a Constituição Federal e sequer queriam assiná-la (há quem diga que nunca a assinaram, apenas homologaram pela presença no Congresso). Em 1990, faziam esta…

Ler mais

OS LEÕES, AS HIENAS E O BANDO DE GAIVOTAS

Últimos posts por Fábio Talhari (exibir todos)

  Desde a época da campanha eleitoral, o maior poder dos setores de esquerda no Brasil foi sua união. Do lado da direita, a vemos ainda pulverizada em várias correntes que são, inclusive, conflitantes. Isso é fato. Nem poderia ser diferente, claro! O marxismo apoia-se na coletividade. Como tal, a ideologia marxista busca anular a individualidade, focando no grupo – o mote é “fazer aquilo que promova o bem comum”. Do outro lado, as diversas correntes da direita no Brasil, hoje em dia, açambarcam um largo espectro, do ultraliberal até…

Ler mais